Foto: Divulgação

O Brasil é o maior produtor mundial de cana-de-açúcar, maior produtor e consumidor mundial de álcool e o maior exportador de açúcar. Nos últimos anos, o número de Usinas tem aumentado no País, e com isso, a preocupação com o impacto ambiental. Dessa maneira, a mecanização da colheita da cana-de-açúcar, se torna cada vez mais necessária, para diminuir as queimadas prejudiciais à saúde humana e ambiental.
Com a mecanização vieram os problemas de incêndio nas colhedoras, que ocorrem principalmente pelo acúmulo de resíduos da colheita (material combustível) em torno do motor e do sistema de exaustão, que são fontes de calor e somados a isso, o armazenamento de algumas centenas de litros de líquidos inflamáveis (diesel e óleo hidráulico), se junta a isso, o clima quente do nosso País. Esses incêndios acontecem com alta frequência em colhedoras que não possuem nenhum dispositivo de proteção e contenção do princípio que, muitas vezes se espalham pela plantação, provocando grandes perdas aos produtores.

Existem algumas formas de prevenção, como a manutenção preventiva ou a adoção de sistemas contra incêndio, que auxiliam e orientam os profissionais na prevenção de possíveis incêndios. Em caso de incêndio use SYSMAK!

Onde encontrar o sistema contra incêndio:
SYSMAK – SISTEMA DE COMBATE À INCÊNDIO PARA MÁQUINAS AGRÍCOLAS
HIDROFORCE – EQUIPAMENTO HIDRÁULICO E MANUTENÇÃO
17 – 3011.74714 / 99776.8024
SÃO JOSÉ DO RIO PRETO/SP