Foto: Divulgação

Peixes da espécie Pacu-Guaçu foram soltos no rio Tietê, no dia 16 de novembro, em evento na sede da Sociedade Esportiva de Pesca Salto do Avanhandava

Como parte da sua agenda anual de repovoamento de rios, a AES Tietê realizou, o repovoamento de mais de 60 mil alevinos da espécie Pacu-Guaçu. A iniciativa da empresa ocorrerá na sede da Sociedade Esportiva de Pesca Salto do Avanhandava (SEPSA), às margens do rio Tietê, no município de Barbosa. Com o objetivo de contribuir com a recuperação do ecossistema, a ação será realizada com o público que frequenta o clube de pesca.
O Programa de Manejo Pesqueiro da AES Tietê Energia realiza, anualmente, o repovoamento de rios com 2,5 milhões de alevinos, aumentando ainda mais a população de peixes nos rios Tietê, Pardo e Grande. Nas estações de Hidrobiologia e Aquicultura, das usinas de Barra Bonita e Promissão, são cultivados peixes do tipo Curimbatá, Dourado, Pacu-Guaçu, Piapara, Piracanjuba e Tabarana.